Atenção pereira-barretense para o cadastramento do SUS

Compartilhe:

Através do novo cadastramento, o Governo Federal fará o repasse de verbas para as ações da Saúde do Município.

A Prefeitura da Estância Turística de Pereira Barreto através da Secretaria Municipal de Saúde, convoca todos os moradores do município para o cadastramento do SUS (Sistema Único de Saúde). A partir deste ano, o dinheiro repassado para manter as Unidades Básicas de Saúde, será calculado pelo número de pessoas cadastradas no sistema do SUS. Por isso é importante receber os agentes comunitários de saúde em suas residências para cadastrar e atualizar os dados de quem já é cadastrado. 

Quem tiver dificuldades em receber o agente comunitário porque trabalha em municípios vizinhos ou por outros motivos, deve procurar a UBS do seu setor para atualizar seu cadastro.

A importância do cadastramento.

Esse cadastro será importante também para que o Ministério da Saúde tenha mais informações sobre a situação de saúde do município, como quantidade de hipertensos, diabéticos, crianças vacinas, acamados, fumantes, pessoas em tratamento de câncer, entre outros, pois com esses dados poderá melhorar as políticas públicas em saúde. Vale lembrar que para qualquer atendimento realizado pela Saúde através do SUS, como por exemplo o recebimento de uma vacina em período de campanha de vacinação, o paciente deverá ter o seu cadastro ativo, por isso a importância deste cadastramento.

A Secretaria Municipal da Saúde conta com a colaboração de todos munícipes, mesmo os que não utilizam os serviços médicos das Unidades Básicas de Saúde deverão ser cadastrados, pois, caso não consigamos cadastrar a todos, a Saúde de Pereira Barreto irá perder dinheiro, limitando assim a qualidade do atendimento. O momento é de participação de todos.

Qualquer dúvida, o morador pode entrar em contato com a Secretaria Municipal de Saúde, através do telefone 3704-5021. Caso o morador anda não tenha realizado o recadastramento, este pode dirigir-se à sua unidade de saúde para realizar a atualização.

Devida a baixa procura da população para o recadastramento, o prazo foi prorrogado até o dia 31 de março.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *