Secretaria Municipal de Saúde esclarece sobre o atendimento em horário estendido na UBS “Dr. Nildo Neri de Oliveira”

Compartilhe:

Horário estendido na UBS do bairro COHAB começou a ser empregado nesta semana.

A Secretaria Municipal de Saúde da Estância Turística de Pereira Barreto divulgou nota para esclarecer a população sobre o horário estendido na UBS “Dr. Nildo Neri de Oliveira”, no bairro COHAB. A UBS desde seu projeto, tinha como propósito estender o horário de atendimento para o período noturno e era de conhecimento de todos os profissionais e da sociedade em geral.

Os objetivos são reduzir a fila de espera, possibilitar os atendimentos na UBS em horário alternativo para a população que trabalha o dia inteiro e evitar que pacientes procurem o Pronto-Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Pereira Barreto para procedimentos básicos (que não são de urgência e emergência), podendo diminuir o tempo de espera para atendimento no P. S.

Sobre a ampliação do horário de funcionamento da UBS, o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, destacou que “o objetivo é ampliar a disponibilidade dos serviços em horários compatíveis aos dos trabalhadores brasileiros, conferindo maior resolutividade na Atenção Primária”, conforme notícia do Portal do Ministério da Saúde, disponível em: http://portalms.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/45344-ubs-que-ampliar-horario-de-funcionamento-recebera-mais-recursos-do-governo-federal .

Para garantir um tratamento isonômico e justo para todos os médicos que atuam na Unidade, todos deverão cumprir pelo menos um dia de horário alternativo, sendo que, em comum acordo entre as médicas Dr.ª Nara e Dr.ª Mariani, cada uma aceitou trabalhar dois dias da semana no horário diferenciado, ficando um dia para o Dr. Roberto.

É importante ressaltar que, segundo a mesma notícia do Portal do Ministério da Saúde, “os gestores locais de saúde terão autonomia para indicar quais serão as unidades que terão o horário de atendimento ampliado, dentro de critérios estabelecidos e de acordo com a demanda e realidade local”.

Por fim, a Secretaria Municipal de Saúde informa que este projeto está em fase experimental.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *