Prefeitura Municipal irá realizar oficina para professores efetivos da Rede Municipal de Educação

Compartilhe:

Oficina terá início neste sábado e primeiro encontro será na Casa da Cultura.

A Prefeitura da Estância Turística de Pereira Barreto, através da Secretaria Municipal de Educação, irá realizar uma oficina voltada aos professores efetivos da Rede Municipal de Ensino. O programa “Oficina do Ser: Saúde Integral dos Professores” tem como tema “Cuidando dos Cuidadores”, que vai se concentrar principalmente nas áreas da psicologia, educação e saúde.

O conteúdo programático envolvem dez encontros, e o primeiro deles será realizado neste sábado (30), às 8h, na Casa da Cultura “Maestro Aristeu Custódio Moreira”, e os demais encontros serão realizados nas dependências das Faculdades Integradas Urubupungá (FIU). Vale ressaltar que a Prefeitura Municipal, através do Prefeito Joãozinho e da Secretária de Educação Maria José Carneiro, agradece a cada um desses profissionais incansáveis que se preocupam com a qualidade de ensino oferecida na rede municipal a todas as crianças que fazem parte da mesma, participando e aprimorando cada dia mais seus conhecimentos.

O programa “Oficina do Ser” apresenta uma série de conteúdos e intervenções voltados para a promoção à saúde integral dos professores com ênfase no acolhimento e cuidado daquele que cuida e educa. Sempre é ofertado aos profissionais capacitações e formações continuadas voltadas para instrumentalização do exercício da educação e construção de conhecimento ao aluno, que é de fundamental importância e necessidade.

O objetivo geral da oficina é proporcionar aos profissionais conhecimentos voltados para saúde biopsicossocial com teorias científicas das áreas de saúde, psicologia e educação, proporcionando prevenção e intervenção ao adoecimento e uma qualidade de vida pessoal e profissional, instrumentalizando assim para uma melhor proficiência no exercício da função de educador.

Os temas dos dez encontros serão:

– O Autoconhecimento como Promoção à Saúde Emocional e Profissional;

– Contribuições da Psicanálise para a Saúde Integral do Indivíduo I;

– Contribuições da Psicanálise para a Saúde Integral do Indivíduo II;

– Contribuições da TCC (Terapia Cognitivo Comportamental);

– A Relação Família e Escola: Desafios e Perspectivas;

– O Prazer/Vida/Autovalor na Prevenção dos Relacionamentos Abusivos e Motivação/Autoestima dos Educadores;

– Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho e Qualidade de Vida;

– Psicopatologia e Saúde Mental;

– Saúde Mental e Fatores Psicossociais de Risco no Trabalho I;

– Saúde Mental e Fatores Psicossociais de Risco no Trabalho II.

O que este projeto propõe é uma instrumentalização diferenciada no que diz respeito à psicoeducação, o olhar voltado para o professor enquanto protagonista e seu olhar para si mesmo. Tem como prioridade não somente a competência e performance profissional como o bem-estar consigo mesmo, aquele que precisa ser cuidado e estar em plena saúde biopsicossocial para exercer seu papel e compromisso.   A educação sempre teve o foco na aprendizagem que é seu instrumento de trabalho prioritário, no entanto, devido a diversas questões que têm assolado a sociedade e às famílias, é notório o foco na questão psíquica, afetiva e emocional. 

É sabido o número de adoecimento devido às diversas complicações apresentadas ao exercício da profissão, é de extrema necessidade ofertar aos mesmos uma formação integral que proporcione instrumentos de autoconhecimento e prevenção a esse adoecimento.

  • 14
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *